Características Gerais

Padrão FCI n. 175
Grupo n. 7, Cães de Aponte
Tamanho médio; M-56 a 61 cm; F-53 a 59 cm
Peso 20 a 25 Kg
Pelagem média
Agressividade baixa
Aptidão caça (aponte) e companhia
Atividade
Espontânea
alta
Área para criação grande
País de Origem França

 

Clique para ver

 
Epagneul Français

O Spaniel Francês é um dos mais antigos cães de aponte e era um tema popular nas artes do século XVII.
Anterior a Idade Média, a raça é freqüentemente citada como Pointer Spaniel Francês devido a sua postura de ficar petrificado, apontando a presa quando esta é farejada.
Existem duas teorias para a origem da raça. Uma diz que esse spaniel teria sido trazido da Costa Brava (Espanha) para a França. A segunda defende a idéia de que a raça descenda de cães escandinavos. Alguns acreditam que ele seja um dos antecessores dos seters, também cães de aponte. O Spaniel Francês é também um retriever e um pointer, diferindo dos tradicionais spaniels que simplesmente levantam as presas.

O Spaniel Francês, como o nome sugere, foi desenvolvido na França para caçar perdizes e faisões, mas devido a sua inteligência e fácil aprendizado, facilmente se adapta a diferentes estilos de caçadas, como de coelhos, lebres, cervos e até javalis. Ele é muito ativo e necessita de muito exercício e espaço para correr livremente.

A raça é calma, gentil e devotada à sua família. Eles têm um laço muito estreito com seu mestre e não se adaptam a mudanças de dono, o que os faz sofrer muito.
Esse grande retriever atua bem tanto na água quanto em terra, suportando temperaturas baixas, águas geladas e vegetações rasteiras.

A pelagem é resistente às intempéries e a água. O pêlo, de comprimento médio, é brilhante e tem textura fina. Na cabeça e parte anterior dos membros o pêlo é curto. Existe a formação de franjas nas orelhas, parte posterior dos membros anteriores, coxas e cauda.

A cor é branco com malhas e algumas pintas em castanho.

Na aparência geral o Spaniel Francês é um cão alto, elegante, bonito, denotando força e vigor. Ele lembra muito o Seter Vermelho-e-Branco.
A cabeça é nobre, com crânio e focinho longos, stop bem marcado, orelhas longas, de implantação baixa e pendentes. A cauda bem franjada é portada baixa.

 


Voltar

 


Clique aqui.


Para retornar na sua pesquisa, clique no botão do seu Browser!