Características Gerais

Padrão FCI n. 114
Grupo n. 7, Cães de Aponte
Tamanho médio; 51 a 58 cm
Peso 18 a 24 Kg
Pelagem longa
Agressividade baixa
Aptidão caça (aponte, retriever) e companhia
Atividade
Espontânea
alta
Área para criação média
País de Origem França

 

Clique para ver

 
Epagneul de Pont-Audemer

Esse incrível cão de dupla aptidão (retriever e pointer) se originou na região noroeste da França, nos distritos da Normandia e Picardia.
É provável que o Spaniel de Pont-Audemer tenha em sua progênie, o Poodle e/ou Barbet, já que ambos existem na França a muito tempo. Durante a sua formação, devem ter ocorrido cruzamentos com alguns dos spaniels-de-terra da França e também com spaniels ingleses e irlandeses.
Devido ao pequeno número de exemplares disponíveis depois da Segunda Guerra Mundial, em torno de 1950 foi necessária a introdução do sangue do Spaniel d'água Irlandês.

Hoje, apesar de ainda raro, a sua sobrevivência está garantida por uma ativa sociedade (Havraise) para preservação da raça.
Em torno de 1980, menos de 100 registros eram emitidos por ano.
A raça juntou forças com o Spaniel da Picardia e o Spaniel Azul da Picardia, em um clube para as três raças.

O Pont-Audemer é um caçador responsável, cão d'água por excelência e costuma caçar patos nos pântanos além de trabalhar outros tipos de presas como um pointer.
Ele é uma doce e confiável companhia e geralmente convive bem com outros cães. Com as crianças, no convívio do lar, ele é extremamente carinhoso e paciente. É de se espantar como uma raça tão cheia de virtudes, não tenha alcançado melhor popularidade.

A pelagem é longa e ondulada por todo o corpo, formando cachos no crânio. No resto da cabeça, o pêlo é curto e assentado.

A cor é fígado ou fígado e branco, com o branco podendo ser salpicado com pintas em fígado.

Na aparência geral o Spaniel de Pont-Audemer é um cão de médio porte, leve, ágil, mas robusto, de membros longos e retos e cauda amputada em um terço do comprimento.
A cabeça lembra um pouco a dos pointers e seters, com a diferença do engraçado topete, uma das marcantes características da raça. As orelhas são longas, pendentes, com inserção baixa e com a mesma pelagem do topete.

 


Voltar

 


Clique aqui.


Para retornar na sua pesquisa, clique no botão do seu Browser!