Características Gerais

Padrão FCI n. 214
Grupo n. 6, Sabujos e Rastreadores
Tamanho médio; M-50 a 55 cm ; F-47 a 53 cm
Peso 17 a 20 Kg
Pelagem curta
Agressividade baixa
Aptidão caça (farejador)
Atividade
Espontânea
muito alta
Área para criação grande
País de Origem Grécia

 

Clique para ver

 
Hellinikos Ichnilatis

O Sabujo Helênico é um cão nativo da Grécia e é muito semelhante ao Sabujo Iugoslavo dos Bálcãs. O sul da Iugoslávia e o norte da Grécia fazem fronteira e provavelmente as duas raças têm uma mesma origem ou se tornaram, na atualidade, duas correntes desenvolvidas a partir de uma mesma raça antiga. Raças similares existiam a séculos na região dos Bálcãs.
Embora muito conhecido em sua terra natal por seu incrível faro e voz ressonante, esta raça de hound é quase que completamente desconhecido fora da Grécia, mas conseguiu manter sua pureza devido às suas grandes habilidades.
Os padrões para a raça foram desenvolvidos em torno de 1950, e só em 1966 o Helênico tornou-se a primeira raça grega reconhecida pela FCI (Federação Cinológica Internacional).

O Sabujo Helênico é extremamente habilidoso nas caçadas em terrenos rochosos, muito comuns em sua terra natal, e caça tanto só, como em pares ou em pequenas matilhas.
Eles são alertas, fortes, vigorosos e muito ativos, o que dificulta a sua manutenção em zonas urbanas, pois se restritos à pequenas áreas podem se tornar bastante destrutivos. Gozam de excepcional saúde, sendo muito resistentes e necessitando de poucos cuidados.

A pelagem é curta, densa, meio dura e bem assentada.

A cor é preto e branco, sendo que uma pequena mancha na testa é tolerável.

Na aparência geral o Sabujo Helênico é um cão de médio porte, com corpo levemente alongado, membros fortes e bem aprumados. A cabeça é alongada, as orelhas de comprimento médio são pendentes e a cauda, que alcança no máximo o jarrete, é portada no nível do dorso quando em atividade.

 


Voltar

 


Clique aqui.


Para retornar na sua pesquisa, clique no botão do seu Browser!